Nossos Projetos

 

Nossa reunião de grupos, no último domingo (24),começou com o coordenador Eduardo Cardoso explicando que as mudanças que ocorreram na lei do Projeto Minha Casa, Minha Vida, forçaram uma parada nas análises das pastas da Caixa, e que anúncios de novas aprovações só devem ocorrer à partir dos meses de julho e agosto. Afirmou, também, que no decorrer deste período, outros encaminhamentos estão sendo feitos pelo MSTL para garantir o bom andamento dos projetos. "A análise cuidadosa das pastas está sendo feita pelo Social do projeto para prevenir possíveis retornos da Caixa quando eles retomarem as análises e, assim, diminuir o tempo de espera das famílias para a aprovação", garante Míriam Hermógenes.

Após a fala explicativa sobre a mudança na lei, Míriam lembra que o MSTL nunca prometeu facilidade e sim ofereceu a possibilidade de enfrentamentos e a oportunidade de vencer batalhas na luta por moradia.

Depois, Miriam leu uma lista antiga, de dez nomes, e passou a palavra ao Chiquinho, coordenador do MSTU, que lembrando que a luta vale a pena e que a gente não deve desistir dela, anunciou a aprovação pela Caixa destas 10 famílias.

O símbolo da conquista da casa própria do MSTL, a terra do nosso terreno, foi entregue pelos coordenadores dos grupos e pelo Chiquinho a cada uma das famílias aprovadas.

Conheça as famílias aprovadas:

  1. Adão de Sena Pinto
  2. Edina Climaco de Deus
  3. Eunice dos Santos Souza
  4. Eunice Sousa Vieira
  5. Francisca Lucimar Gomes da Costa
  6. Lucélia Teixeira
  7. Maria Batista dos Santos
  8. Raimunda dos Santos Costa
  9. Thais Ruiz Chacon
  10. Zenilda Sousa Vieira